top of page

A armadilha da pobreza 
é o maior
problema
da humanidade

The Human Project é nosso modelo de base comunitária de superação do problema da armadilha da pobreza.

Sua essência está na formação de capital humano e cuja prática se realiza 
através da construção        Tecnologias Sociais nas áreas de educação básica, educação empreendedora  e saúde básica, e na geração de negócios sociais com apelo global.

Ecossistema de Tecnologias Sociais, que criam condições para que todos os novos cidadãos (raízes da comunidade) tenham direito a desenvolvimento humano pleno

Vector 1.png

Ecossistema de negócios criativos e digitais, gerados pelas Tecnologias Sociais, com identidade local e apelo global

Vector 4.png

EDUCAÇÃO
EMPREENDEDORA

SAÚDE

EDUCAÇÃO
BÁSICA

Vector 1 (1).png

O tronco representa

a comunidade

13.616 habitantes 

78% da população vive em zona rural (2022, Censo)

62% são beneficiários do Bolsa Família

Renda menor que R$ 218,00 por mês, por pessoa (2023, Cadunico)

IDHM – 0,545

Posição 5.268 (2010, PNUD)

PIB per capita - R$ 11.808,17
Posição 4.116 (2020, IBGE)

A versão atual do The Human Project 
de Santa Luzia do Itanhy conta com 18 Tecnologias Sociais

Santa Luzia do Itanhy é uma pequena cidade no

nordeste do Brasil onde o modelo vem sendo

construído e aperfeiçoado continuamente, desde 2010.

O município foi escolhido por reunir condições culturais,

sociais e econômicas típicas de comunidades subestimadas, de maneira que as soluções geradas em Santa Luzia do Itanhy e o próprio modelo The Human Project possam ser reaplicados com eficácia em qualquer lugar do mundo, especialmente na América Latina e África.

Santa Luzia do Itanhy é a nossa incubadora global de tecnologias sociais.

Destas Tecnologias Sociais, 8 estão em fase de desenvolvimento ao passo que 10 estão em fase de escalabilidade e/ou sustentabilidade, beneficiando mais de 60.000 pessoas, em mais de 57 municípios, de 11 estados brasileiros.

FINAL SECTION.png

Nossa visão de 
um mundo melhor para todos passa pela reaplicação 
do The Human Project em diversas comunidades

Especialmente no hemisfério sul, com autonomia e identidade local, construindo uma rede global de comunidades transformadoras, capazes de inspirar e engajar cada vez mais pessoas ao redor do mundo, num movimento de mudança de mentalidade e de libertação 
da armadilha da pobreza.

bottom of page